Search
  • Criativos

Jornalismo e paixão por cinema, com Bárbara Demerov

Apaixonada por comunicação e cultura em geral, Bárbara Demerov cursou Jornalismo na Universidade Anhembi Morumbi. Sempre alugando filmes e conferindo todos os lançamentos, ela percebeu que poderia unir seu talento para escrever ao gosto por cinema, passatempo que se tornou trabalho.


Ainda na faculdade, começou a publicar críticas no site de uma amiga. Nessa época, aproveitou para participar de cabines (confira o que significa esse e outros termos no post sobre assessoria de imprensa, com a Marione Tomazoni), além de, claro, adquirir experiência como crítica.


Após se formar, criou o Cinematecando, um site voltado a críticas e outras matérias sobre cinema. Durante a entrevista, a Bárbara conta um pouco sobre como funcionou o processo de criação, em que precisou da ajuda de outros profissionais, desde o layout até colaboradores que pudessem escrever sobre os diversos lançamentos. Com muito esforço e, principalmente, persistência, o Cinematecando abriu muitas portas para Bárbara e outros jornalistas, também apaixonados por cinema. Atualmente, Bárbara é crítica no AdoroCinema, o site número 1 de cinema no Brasil! Arrasa, né?


Curte jornalismo cultural? Quer saber mais sobre a trajetória profissional de Bárbara Demerov? Também sonha em ser crítico de cinema? Então, não deixe de conferir esta entrevista, com muitas dicas e experiências superinteressantes.

Serviço Social do Comércio

Surgiu da união de empresários do setor, com o intuito de colaborar com o cenário social, por meio de ações que beneficiassem tanto seus familiares e funcionários, quanto a comunidade em que vivem. A instituição busca promover acesso à cultura, educação, saúde, esporte, lazer e assistência em todo o país, em mais de sete décadas de trabalho.


Vogue

Publicada pela Condé Nast Publications em 22 países desde 1892, é a revista feminina de moda mais importante, conceituada e influente do mundo. Mensalmente, publica trabalhos de estilistas, escritores, fotógrafos e designers inseridos no mundo da moda, beleza e cultura pop.


Instituto do Cinema

Uma das mais reconhecidas escolas brasileiras de cinema e audiovisual. Localizado em São Paulo, mais precisamente em Pinheiros, o INC oferece mais de 80 cursos para quem quer aprender e/ou se especializar na área de filmes e séries de TV.


Olhar de Cinema - Festival Internacional de Curitiba

O festival iniciou suas atividades de forma independente e, desde 2012, já recebeu mais de 120 mil pessoas em suas salas de cinema e exibiu mais de 800 filmes oriundos de vários países.


Festival de Cinema de Vitória

Anteriormente, chamado de Vitória Cine Vídeo, é um festival anual de cinema nacional e música em Vitória - ES. É marcado por homenagens a personalidades do cinema brasileiro e capixaba, concursos de roteiros e lançamentos de filmes, oficinas, livros, revistas e DVD's. Além disso, também realiza shows nacionais, locais e internacionais, debates e encontros entre pesquisadores, profissionais da área e o público.


The New York Times

Jornal diário estadunidense, fundado e publicado em Nova York desde setembro de 1851, pela The New York Times Company. O jornal já ganhou 117 prêmios Pulitzer, mais do que qualquer outro grupo jornalístico.


Flávia Guerra

Jornalista, documentarista e repórter de cinema e moda do Estadão. Cobriu os principais festivais de cinema internacionais, como Cannes, Berlim e Veneza. No setor da moda, já acompanhou algumas das mais importantes semanas de moda do mundo, como a SP Fashion Week, Rio, Londres, Nova York e Milão. Além disso, atua como comentarista de cinema na TV Estadão e apresenta uma coluna cultural, nas noites de segunda e sexta, na Rádio Estadão.


Neusa Barbosa

Começou como repórter de Cidades na Folha de SP. Trabalhou rapidamente na editoria Cultura da Folha de Tarde. Também escreveu para a editoria de Cidades do Estadão, atuou como editora de Internacional na Revista Visão e assumiu a coluna de Cinema por seis anos na Veja S. Paulo. Nessa época, acumulou outras colunas, como a de música clássica. Em 2000, criou o site Cineweb, especializado em cinema, em que atua como editora, além de escrever críticas e reportagens.


Isabel Witmann

Crítica de cinema, autora do blog Estante na Sala e criadora do projeto Feito por Elas, com o objetivo de analisar, discutir e divulgar as obras cinematográficas realizadas por mulheres. Também é membra da Associação Brasileira de Críticos de Cinema e do Elviras - Coletivo de Mulheres Críticas de Cinema.


Raquel Gomes

Podcaster, redatora e crítica de cinema. Também é membra do Elviras e do Grupo Afetos, que pesquisa comunicação, acessibilidade e vulnerabilidades. Além disso, acompanha o Grupo Poéticas Femininas e o Políticas Feministas - A Mulher Está no Cinema, ambos da UFMG (Universidade Federal de Minas Gerais). É co-editora do site Cinematório, onde cria conteúdo para as redes sociais e playlists temáticas.


Pedro Almodóvar

O diretor espanhol mais famoso desde Luis Buñuel e Carlos Saura. Também é roteirista, compositor e ator, além de ter atuado como cantor de uma banda de rock, na qual participava travestido. Assumidamente homossexual, seus filmes exploram a temática da sexualidade de forma muito aberta. Um dos cineastas mais premiados da história, vencedor de dois Oscar, dois Globo de Ouro, quatro BAFTA, quatro prêmios do Festival de Cannes e seis prêmios Goya, a principal premiação do cinema espanhol.


Martin Scorsese

Cineasta, produtor de cinema, roteirista e ator estadunidense, vencedor do Oscar de Melhor Diretor pelo filme Os Infiltrados.


Alfonso Cuarón

Roteirista, diretor de fotografia, editor, produtor e cineasta mexicano. Vencedor do Oscar de Melhor Diretor por dois filmes, Roma e Gravidade.


Ava Duvernay

Diretora e roteirista, também atua como publicitária de filmes e distribuidoras de filmes estadunidenses. Em 2012, no Festival Sundance de Cinema, recebeu o prêmio de Melhor Direção pelo filme Middle Of Nowhere, tornando-se a primeira mulher negra a vencer a disputa.


Olhos Que Condenam

Minissérie lançada em 2019 pela Netflix. Foi criada, dirigida, escrita e pensada por Ava DuVerney e retrata um dos casos mais polêmicos dos Estados Unidos: a condenação e prisão de cinco jovens negros moradores do Harlem, bairro de Nova York, sob a falsa acusação de estupro de uma mulher branca no Central Park, em 1989.


Quer conhecer mais sobre o trabalho da Bárbara?

Visite o Cinematecando

Clique aqui para acessar o AdoroCinema

Insta da Bárbara: @barbarademerov

Twitter: @barbarademerov

0 views
This site was designed with the
.com
website builder. Create your website today.
Start Now