Search
  • Criativos

O poder encantador dos drones: Descubra nessa entrevista com Carlos Cândido

Hoje em dia (bom, pelo menos antes da pandemia), a gente ia a shows, eventos ao ar livre e até casamentos, e eles estavam lá: os drones! Muito mais do que uma máquina fotográfica que voa, os drones podem ser utilizados em projetos de educação e até mesmo de saúde pública!


O Carlos Cândido se formou em ciência da computação e, hoje, é especialista em drones, tendo atuado em diversas áreas com esse aparelhinho extremamente útil, funcional e divertido.


Pra ouvir a entrevista completa, acesse o podcast, disponível a partir do dia 10 de junho, no Spotify, Deezer, Google Podcasts, RadioPublic, Breaker e Anchor.

Veja o vídeo abaixo e confira o glossário da entrevista, logo em seguida:



Ciência da Computação

Um erro clássico é confundir a ciência com a engenharia (cuidado na hora de escolher!). A ciência da computação, de forma simples, é usar matemática para computar. Bem direto, mesmo. Não precisa ser expert em matemática, mas pelo menor respeitar e tolerar os numerinhos, é bom!


Algoritmos

Mas por que isso fica aparecendo na minha rede social?". Algoritmos, essa é a resposta. Mas o algoritmo não é só o que te influencia sobre o que assistir ou comprar, algoritmos são mais complexos do que aquela propaganda que aparece no seu Facebook. Algoritmos são conjuntos de regras e instruções com a finalidade de resolver algo. Imagine a seguinte situação de um algoritmo que vamos chamar de “segurança do bar”: 1) segurança pede identidade; 2) confere a idade do cliente; 3) Se a idade do cliente for menor do que 18 anos > segurança informa que a entrada é proibida; 4) Se a idade do cliente for maior do que 18 anos > permite a entrada.


Hardware

Isso que você está usando para ler possui um hardware, seja seu celular, tablet ou seu computador pessoal. Hardware é todo componente eletrônico que constitui um equipamento. A tela do seu celular, o microfone, a saída de som… Tudo que você toca em um utensílio eletrônico é um hardware e o que você não vê, por dentro dele, também.


Autômatos celulares

São sistemas evolutivos baseados em regras simples. Eles possuem 3 características importantes: paralelismo, localidade e homogeneidade. O melhor e mais simples exemplo de autômato celular é o jogo da vida, criado pelo matemático britânico John Horton Conway. O jogo reproduz as alterações e mudanças em grupos de seres vivos e a cada nova "geração", as regras são redefinidas, podendo gerar novos padrões, sejam eles fixos ou caóticos.


Paradigma

Vem dos nossos amigos gregos. Com origem na palavra paradeigma, significa padrão ou modelo. É um conceito da ciência e da teoria do conhecimento, a epistemologia.


Indústria 4.0

A Quarta Revolução Industrial. Sendo bem direto, podemos dizer que a Indústria 4.0 está presente para transformar a comunicação das e entre as máquinas, melhorando, de diversas formas, o processo de produção, inclusive barateando os custos para as empresas e para o consumidor final.


É também considerada o uso de novas tecnologias, como realidade virtual, drones e impressoras 3D a fim de otimizar processos. O objetivo dessa revolução industrial, também chamada de empreendedorismo 4.0, é unir trabalho colaborativo com máquinas inteligentes, tornando o processo mais eficaz. Em tempos modernos, a gente precisa disso, né?


Impressão 3D

Se você quiser impressionar numa conversa, pode chamar impressão 3D de prototipagem rápida. Bonito né? A impressão 3D é uma forma de criação, em que um produto é “impresso” por várias camadas geradas. Com muitas possibilidades, esse tipo de tecnologia é usado na confecção de peças e componentes eletrônicos, próteses e até alimentos.


Arduino

É um chip, um circuito com programação própria, e suas possibilidades são infinitas. E quando nós dizemos infinitas, é exatamente isso. O Arduino, por exemplo, já foi utilizado desde controlar uma chopeira via tablet, até construir uma jukebox com materiais acessíveis. Mas suas aplicações não são limitadas só para nossa diversão, não! Elas passam pelo campo das artes, de automação e segurança residencial e até auxílio remoto para pessoas com necessidades especiais.


Lot Amorós

Lot é um engenheiro da computação (e não cientista, veja bem!) espanhol, que trabalha com arte e tecnologia. Uma de suas atividades é a criação de soluções, em código aberto, para utilização de drones com fins sociais. Conheça seus projetos em flone.cc e dronecoria.org.


Galeria do Rock

Antes do rock, hoje do rock e de mais um monte de coisas, a Galeria do Rock é ponto de encontro de todos os tipos de jovens (e não tão jovens) da cidade de São Paulo. Hoje um ponto muito mais democrático do que antigamente, a galeria abriga lojas de disco, roupas, camisetas, comidas vegetarianas e agora com um terraço, também tem espaço pro hipster paulistano comer um hambúrguer e fazer a barba. Por ser no coração da cidade, chegar até lá é muito fácil então você nunca vai encontrar a galeria vazia (ok, agora é bem provável que esteja, mas é por pouco tempo) e, se a sua loja favorita deixou de existir, você vai encontrar outra tão boa ou melhor ainda.


Pivotar

Muitos empreendedores já fizeram, mas poucos sabiam que isso tem nome. Pivotar significa mudar completamente o plano de negócios de algo cuja estratégia original não funcionou como esperado. Um exemplo simples, mas eficaz: o dono de uma loja que vende equipamento de filmagem pode pivotá-la e alugar esses equipamentos para o consumidor. Também temos o exemplo de Friends, de quando o Ross pediu ajuda para subir o sofá pela escada. Se a Rachel e o Chandler tivessem lido esse parágrafo, talvez tivesse dado certo.


Campus Party

A maior feira de inovação, empreendedorismo e tecnologia do mundo. Aqui no Brasil, temos a nossa desde 2008 e é o maior ponto de encontro de geeks, gamers, cientistas e inovadores para apresentar novas tecnologias e trocar informações sobre tendências na área.


Placa controladora

Podemos dizer que a placa controladora é o cérebro do disco rígido. Ela faz com que o HD execute tudo direitinho, com a intensidade necessária, fazendo tudo funcionar nos conformes! Sendo tão importante, também é a parte mais complexa desse hardware.


Acelerômetro

Cada vez mais presente nos dispositivos, o acelerômetro é responsável por indicar aceleração e inclinação. Sem ele, muitas coisas deixariam de funcionar, desde aquele seu exercício monitorado pelo smartwatch quanto (pasme!) o Pokemón! Go, já que o jogo utiliza o acelerômetro em trabalho com o GPS pra chocar os ovos. Esse jogo, inclusive, foi um dos grandes responsáveis pela popularização da busca por celulares com essa tecnologia na época do lançamento. Sério.


Giroscópio

Outro dispositivo extremamente importante para jogos e outras aplicações no smartphone. O giroscópio de um equipamento eletrônico é o que manda a informação sobre o local para onde o celular está apontado. Esse sensor faz o aparelho entender essa informação por meio força da gravidade. Não é bruxaria, é tecnologia.


Magnetômetro

Outro componente presente em quase todos os aparelhos atuais, o magnetômetro funciona também para localização, assim como o giroscópio e o acelerômetro. Quando você abre o seu Google Maps, a bússola só funciona corretamente porque o seu dispositivo tem essa solução silenciosa. Ele mede os campos magnéticos e converte isso como informação, dizendo ao smartphone qual a direção do norte de onde você está.


Fibra de carbono

Fibra de carbono são filamentos mais finos do que os nossos fios de cabelo. São utilizadas em peças de carros e bicicletas, equipamentos esportivos, componentes eletrônicos de celulares e computadores, e em outros tantos locais em que uma solução resistente como essa é necessária!


Saiba mais sobre o Drone Lab, empresa do Carlos, em: http://dronelab.com.br

0 views
This site was designed with the
.com
website builder. Create your website today.
Start Now